Criminosos ainda não identificados estão invadindo a propriedade e saqueando a estrutura destinada a instituições de ensino superior em Canaã

Lançado há quase um ano, o Polo Educacional de Canaã dos Carajás ainda não tem instituições de ensino superior ocupando as suas instalações. A demora para ocupar o espaço, aliada à ação criminosa de alguns invasores, tem resultado em graves prejuízos para o poder público municipal: pedaços da estrutura do polo, como a fiação, estão sendo levados e os danos já são perceptíveis. Confira as fotos abaixo:

>

A Prefeitura de Canaã informou que já há conversas adiantadas com algumas instituições, como a IFPA, Unifesspa e Uepa; o Instituto Federal, inclusive, já iniciou processo seletivo na cidade e deve, nos próximos dias, se instalar no local. As demais, no entanto, seguem sem previsão de atendimento aos estudantes.

A demora na resolução do problema piora o estado do local, tanto pela ação humana, quanto pela própria ação do tempo. A área, antes pertencia à Vale, e foi repassada à Prefeitura para implantação do polo estudantil.

Publicidade