Nas primeiras 24 horas, 993 mil se inscreveram, de acordo com o MEC. Ao todo, 237 mil vagas públicas no ensino superior estão em disputa

O Sistema de Seleção Unificada (Sisu) teve quase 1 milhão de candidatos inscritos no 1° dia de funcionamento do processo seletivo de 2020. Os candidatos usam as notas obtidas no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) na disputa por uma das 237 mil vagas em instituições públicas de ensino superior do Brasil oferecidas por meio do sistema.

Ao todo, nas primeiras 24 horas, foram 993.311 pessoas inscritas. No ano anterior foram 492 mil candidatos no mesmo período, segundo o Ministério da Educação (MEC). Como os participantes podem se inscrever em até dois cursos, o número de candidaturas registradas era, até 1h, 1.870.751. Os concorrentes podem se inscrever até as 23h59 do próximo domingo (26).

O balanço do primeiro dia de inscrições foi divulgado pelo ministro da Educação, Abraham Weintraub, na manhã desta quarta-feira (22). Após a crise provocada pelo erro na correção de parte das provas, o primeiro dia de Sisu foi marcado por instabilidades no acesso ao site.

No fim da terça, o ministro disse que os problemas estavam resolvidos. Entretanto, estudantes voltaram a relatar instabilidades na manhã deste segundo dia de Sisu.

Prazo ampliado

O prazo, que antes se encerraria na sexta (24), foi prorrogado para até 23h59 de domingo (26). Isso ocorreu por causa de erros nas correções de provas do Enem. De acordo com o MEC, a falha afetou quase 6 mil candidatos e foi corrigida pouco antes da abertura das inscrições do Sisu.

(Informações: G1)