A Polícia Civil prendeu três pessoas durante ação de combate a crimes cibernéticos na manhã desta quarta-feira (23), por volta das 10h. Intitulada “Ações Tumultos” a operação encontrou fraudes no sistema da empresa Celpa.

Para a operação, cerca de quinze policiais da Delegacia de Repressão aos Crimes Cibernéticos estão presentes no município.

Ítalo Silva e Amanda Cristina foram ouvidos nesta manhã, o terceiro indivíduo ainda não foi identificando. O principal crime cometido é fraude, onde burlavam o sistema operacional da Celpa. 

>

Segundo informações, dois são funcionários da empresa e facilitavam a ação dos hackers. 

Atualização: O terceiro envolvido já foi identificado, Guilherme Douglas, 22 anos. Os três foram transferidos para Marabá, e estão cumprindo prisão preventiva. 

(Informações e fotos: Jornal In Foco)

Publicidade