Jonas Pereira de Sousa, de 44 anos de idade, é mais popularmente conhecido como “Vulgo Manel.” Acusado de Assassinar o pastor André Luiz, de 47 anos. O crime aconteceu no dia 16, em uma terça-feira.

O assasino foi transferido para a penitenciária do SEAP (Presídio da Secretaria Estadual de Administração Penitenciária), no complexo VS-10.
” Vulgo” estava em prisão temporaria expedida pela justiça de Parauapebas. A transferência ocorreu nesta segunda-feira (22).

Continua depois da publicidade

No dia do crime, a vítima foi atacada com um gargalo de garrafa no pulso direito. Após o golpe, o pastor ainda caminhou por cerca de
duas quadras pedindo por socorro, mas o golpe atingiu a artéria principal do pulso. André Luiz caiu num cruzameto entre as ruas Olga Prestes e o bairro da Paz. A rua ficou inundada de sangue.

Segundo informações, o pastor, e o acusado, estavam num bar e teriam se desentendido. Na discussão “Vulgo Manel” teria se armado com uma garrafa e partido para cima do pastor André Luiz. Os motivos da briga, ainda não se sabe, uma vez que o acusado negou o crime para polícia.

O laudo preliminar repassado pelos socorristas do SAMU, ( serviço de atendimento móvel), constatou que a vítima veio a óbito devido a gravidade do corte em seu pulso direito. No local do crime, câmeras de monitoramento registraram a ação do assassino, o que auxiliou a polícia a indentificar o criminoso. De acordo com informações, o pastor André Luiz cuidava de dependentes químicos. Ele era presidente da comunidade Terapêutica Semeando Projeto de Recuperação e Assistência as Famílias.

Publicidade