P

A Polícia Cívil de Parauapebas busca informações que possa levar ao paradeiro do motorista do Fiat strada, cor prata, placa HUQ-8736, Parauapebas-PA, que atrpelou e matou uma criança de 3 anos de idade na noite de sábado 23.

De acordo com Ismael de Moura Silva, de 28 anos de idade, pai da vítima, a pequena Isabelle Sofia Moura dos Santos, de 3 anos de idade, filha única.

O acidente aconteceu por volta das 20h30, na rua Novo Paraíso, bairro Betânia, Parauapebas, quando ele, sua esposa Patrícia dos Santos Silva, de 35, e Isabelle Sofia se encontravam sentados na porta de casa, quando foram surpreendidos pelo veículo em alta velocidade que subindo a calcada da residência de numero 495, atropelou o casal e matou a criança que na hora está no colo dele.

Socorridos por um vizinho e levados ao Hospital Municipal de Parauapebas (HMP), a pequena Sofia veio a óbito logo que deu entrada naquela casa de saúde, enquanto que o motorista atropelador identificado apenas por Rubensque segundo informações estaria embriagado se evadiu do local tomando rumo ignorado.

De acordo com informações minutos antes do acidente Rubens se encontrava ingerindo bebida alcoólica em um Bar na frente da residência das vitimas.

O pai da menina disse para reportagem que tudo aconteceu minutos após o motorista deixar o bar no veículo e retornar minutos depois em alta velocidade momento em que perdeu o controle indo de encontro com eles. “Eu, minha esposa e minha filha estavamos sentados na frente de nossa casa e minha filha estava entre minhas pernas, quando de repente me espantei com o carro em cima de nós,” contou o pai da vitima, que teve escoriações no joelho direito, já a mãe da criança não se machucou.

Ao tomar conhecimento do acidente a equipe do delegado plantonista Felipe Oliveira, esteve no local para realizar levantamentos de praxe e recolher o veículo ao pátio da delegacia. dentro do Fiat Strada a polícia encontrou os documentos do suposto motorista e uma lata de cerveja intacta, ao descobrir a residência do mesmo os investigadores realizaram incursões na tentativa de o prender, porém sem sucesso, nem ele e nem a esposa do mesmo encontrada em casa. As buscas continuam na tentativa de localizar e prende o motorista atropelador. (Caetano Silva)

Publicidade