Weverton Nunes foi assassinado na última sexta-feira no bairro Liberdade em Parauapebas

Por meio de investigações, a Polícia Civil de Parauapebas identificou e prendeu quatro jovens suspeitos de envolvimento no assassinato de Weverton Nunes, 20 anos, na última sexta-feira (21). O jovem foi morto com vários tiros no bairro Liberdade depois sair de um festival junino. Os quatro presos são: José Inácio Gomes Silva, Jadiel Moreira da Silva, Neifanatielly dos Reis Martins e Lucas Silva da Cunha

De acordo com a PC, uma dívida de tráfico de drogas foi a principal motivação para o crime. As investigações apontaram ainda a participação de um taxista, que buscou os executores e os levou até uma residência onde aguardaram tempo suficiente para assassinar Weverton. Os quatro se dirigiram até a rua Teotônio Vilella no táxi e em uma motocicleta conduzida por José Inácio. A mulher, Neifanatielly, seguiu na garupa.

>

Já no local do crime, a mulher entrou no táxi e um dos executores subiu na motocicleta, enquanto o outro seguiu a pé. Ao se aproximar da vítima, o garupa e o que seguiu a pé atiraram contra o Weverton.

Os quatro foram ouvidos e três liberados; somente José Inácio ficou preso. A PC informou que pedirá a prisão preventiva de todos os envolvidos. Outros dois suspeitos ainda estão foragidos.

(Caetano Silva)

Publicidade