A Polícia Cívil de Parauapebas busca informações que possam levar ao paradeiro do assassino de Thiago Gomes Feitosa, jovem de 21 anos, natural da cidade de Marabá.

Thiago foi assassinado com três tiros na presença da esposa na noite de sexta-feira (28), em frente ao numero 1390 da rua Bom Jesus, bairro Betânia, Parauapebas.

Informações, que ainda estão sendo investigadas pela equipe da PC, dão conta de que minutos antes do crime Thiago, que seria usuário de drogas, recebeu uma ligação para se dirigir até a caixa d’água a dois quarteirões de onde caiu morto.

Ainda segundo o que foi repassado, ao falar com a pessoa no telefone, a vítima passou em sua casa que fica próximo ao local do ocorrido e chamou sua companheira: “Bora ali, amor”. A esposa o acompanhou sem que ele explicasse aonde estavam indo.

No caminho, já na rua Bom Jesus, um indivíduo teria acompanhado o casal. Após caminhar cerca de um quarteirão sentido à caixa d’água, Thiago Gomes foi recebido a tiros e  gritou para a mulher: “Corre, meu bem! Corre!” Ele veio a ser atingido nas costas, caindo logo em seguida. O criminoso se aproximou da vítima e a executou com um disparo de misericórdia, ceifando a vida do jovem pai de família.

Baleada, a vítima ainda foi socorrido por um vizinho e levada ao Hospital Municipal de Parauapebas, local onde veio a óbito logo.

A policia vai requerer as imagens das câmeras de segurança existentes no percurso na tentativa de identificar e prender o assassino que, após matar a vítima, deixou o local tomando rumo desconhecido.

Thiago deixou uma filha de apenas 4 meses de idade.

(Caetano Silva)