A Polícia Civil apreendeu, neste domingo (15), três adolescentes acusados de matar e decepar a cabeça de uma adolescente de 13 anos em Parauapebas. O corpo de Kechily Costa havia sido encontrado no sábado (14) em um terreno baldio no Residencial Alto Bonito.

De acordo com informações da Polícia Civil, os três adolescentes (dois homens e uma mulher) são membros de uma facção. O crime teria sido motivado pelo fato de Kechily namorar o membro de outra facção.

A adolescente estava desaparecida desde o dia 9 de março.

A Polícia Civil emitiu um informe sobre o caso.

Na data de ontem (14) a equipe de policiais da 20ª Seccional Urbana de Polícia Civil de Parauapebas, recebeu informações sobre um corpo encontrado atrás de um mercado localizado no Residencial Alto Bonito, o qual foi identificado como sendo da adolescente KECHILY COSTA DE SOUSA desaparecida desde o dia 09.

A jovem teve sua cabeça descepada, em ato típico de facções criminosas e sua morte agora será juntada ao bojo das investigações que já apurava o seu desaparecimento.

Suspeitos foram identificados e diligências empreendidas na tarde e início da noite de ontem com o fim de realizar as capturas, sendo logrado êxito na captura de 03 adolescentes supostamente envolvidos no crime.

A vítima era aluna do 9º ano de uma escola municipal. A prefeitura de Parauapebas divulgou uma nota sobre o caso.

Nota da prefeitura:

 O Prefeito Darci Lermen, em nome da prefeitura de Parauapebas lamenta profundamente o falecimento da jovem Kechily Costa, encontrada na tarde deste sábado, 14, após vários dias desaparecida.

A jovem era filha da servidora Alaíde Costa e estava desaparecida desde o dia 9 deste mês, ocasião em que foi vista pela última vez ao sair da escola onde estudava.

Desde então, família, amigos e autoridades estavam à sua procura, até que nesta tarde veio a triste notícia de seu falecimento.

Neste momento de tristeza e dor, o governo municipal se solidariza com a família e amigos, pedindo a Deus que lhes dê forças para superar essa perda irreparável.

A Prefeitura também informa que todos os órgãos de segurança municipais darão o apoio necessário para a elucidação deste caso e espera que os envolvidos sejam punidos com os rigores da lei.

Assessoria de Comunicação | PMP

(Com informações de Neide Folha)

Publicidade