O jovem Edmilson José Pereira Sampaio, 22 anos de idade, natural de Tucuruí-PA, foi morto com um tiro na cabeça, quando se encontrava tomando cerveja no interior de sua residência, localizada na rua B-2, 304, bairro Tropical II, Parauapebas.

De acordo com informações colhida no local do crime, o caso aconteceu por por volta das 21h30 de sexta-feira (17). Dois desconhecidos teriam chegado na casa da vítima utilizando máscaras. A dupla já foi logo invadindo o local. Um dos assassinos, que utilizava máscara preta pegou na mão de Edmilson José. O segundo indivíduo, de máscara branca, mandou que o cunhado da vítima, que também se encontrava na sala, ficasse calado. Em seguida, sem pensar duas vezes, na frente do cunhado e do sobrinho da vítima, que tem apenas 11 anos, apontou a arma para a cabeça da vítima e efetuou um único disparo. Edmilson morreu na hora. Após cometer o assassinato, a dupla fugiu do local tomando rumo desconhecido em uma moto de modelo e placa não anotada.

Ainda no local do crime, foi levantada a hipótese de que Edimilson Pereira tenha sido morto por engano por parecer com seu irmão mais velho, que está preso acusado de estupro. Edmilson não tinha passagem pela polícia.

Até o presente momento a polícia não tem informações do que motivou crime e nem tão pouco o paradeiro dos matadores.

(Neide Folha)

Publicidade