A equipe de investigadores do plantão da 20ª Seccional de Polícia Civil de Parauapebas busca informações que possam esclarecer a morte de um homem de identidade ainda desconhecida, que teve seu corpo encontrado em adiantado estado de putrefação às margens do Rio Parauapebas.

Através dos levantamentos iniciais não foi possível identificar as causas da morte, uma vez que não havia sinais de agressão e nem perfuração de bala ou faca. O achado macabro se deu por volta de 10h da manhã desta sexta-feira (24) no final da rua 4, na área conhecida por Riacho Doce, bairro Primavera, Parauapebas.

De acordo com informações, após o achado do cadáver, a guarnição da área da Polícia Militar foi acionada via Centro de Controle Operacional (CCO) para averiguar a informação. Ao chegar no logradouro, a PM constatou o fato e isolou a área até a chegada dos investidores de Polícia Civil e da equipe de técnicos de remoção do Instituto Médico Legal (IML).

Até o fechamento desta matéria o corpo continuava sem identificação.

(Neide Folha)

Publicidade