Polícia desmontou quadrilha que assaltou e levou ouro no município. Três homens e duas mulheres foram presos

Uma quadrilha assaltou, no último domingo (19), um estabelecimento no município de Itaituba. Os bandidos, que estavam em uma moto e armados, conseguiram subtrair do local mais de 1kg de ouro. A farra, no entanto, durou muito pouco. Na segunda-feira (20), parte do ouro que foi roubado estava sendo oferecido em algumas compras na cidade; foi quando os policiais militares foram acionados e passaram a monitorar a situação. 

Em pouco tempo, os homens da lei conseguiram prender a pessoa que estava oferecendo o ouro, que, após uma conversa com os militares, revelou o paradeiro dos elementos que teriam cometido o assalto na noite anterior.

De posse das informações, os policiai do Reservado e do Grupo Tático Operacional realizaram uma incursão em uma casa localizada no Bairro Vitória Régia, onde estavam os elementos que são considerados de alta periculosidade e suspeitos de fazer parte de uma quadrilha de assaltantes.

Segundo a Polícia, um deles reagiu à abordagem policial partindo para cima de um militar, que revidou a agressão, neutralizando o criminoso. O Corpo de Bombeiros ainda foi acionado, mas, ao chegarem no local, o elemento, que ainda não teve sua identidade revelada, já estava sem vida. 

Dentro da casa, R$ 10 mil foram encontrados. Além disso, parte do ouro roubado, uma motocicleta Fan de cor azul, placa QEP-1209, utilizada no assalto, três coletes balísticos – sendo um deles da PM-PA, duas armas, uma pistola, um revólver calibre 38, e cinco celulares também foram encontrados.

Uma equipe da Policia Civil esteve no local. Em seguida, o Instituto Médico Legal (IML) foi acionado para fazer a remoção do corpo. No final da operação, cinco pessoas foram apresentadas na 19ª Seccional Urbana de Polícia Civil, sendo três homens e duas mulheres. Um homem que faz parte da quadrilha conseguiu fugir momentaneamente. 

Ainda segundo o tenente Márcio Alves, os elementos fazem parte de uma quadrilha do Amapá e Oiapoque. Eles também são suspeitos de terem realizado um assalto em uma mineradora, localizada no Garimpo Água Branca. As informações foram repassadas à imprensa pelo Tenente Márcio Alves, da Polícia Militar de Itaituba. 

Informações: Blog do Junior Ribeiro

Publicidade