O prefeito Jeová Andrade repudiou, por meio de nota, uma declaração política do pastor paulista Carlos Eduardo. O vídeo do religioso foi disparado em massa para números de Whatsapp de Canaã dos Carajás e região. Nele, o pastor, que celebra cultos em Canaã ocasionalmente, opina sobre o cenário político local e afirma que o prefeito de Canaã é “um demônio”.

O prefeito rebateu o que foi dito e, no texto, sugeriu que o religioso tenha uma postura mais cristã.

>

Veja a nota abaixo. Na sequência, o vídeo do pastor.

O prefeito de Canaã dos Carajás, Jeová Andrade, vem a público repudiar as declarações do pastor Carlos Eduardo, que esteve recentemente como preletor em um congresso aqui em Canaã dos Carajás, o qual, por meio de suas redes sociais, atacou, neste sábado (19), não apenas ao prefeito, mas também aos vereadores João Nunes e Dionísio, com insinuações mentirosas e claramente ligadas a interesses políticos.

É de conhecimento público que o pastor Carlos Eduardo está descontente com os vereadores João Nunes e Dionísio, por estes últimos estarem declarando apoio à pré-candidatura de Josemira Gadelha e Zito à prefeitura de Canaã dos Carajás.

Como homem que se diz servo do Senhor, o pastor Carlos Eduardo joga por terra muitos dos ensinamentos que a palavra de Deus nos traz, como o de respeitar o próximo e de não levantar falso testemunho. É lamentável que use o seu tempo e a fé das pessoas para se prestar a esse tipo de jogo sujo e imoral.

O prefeito Jeová Andrade ressalta que seguirá até o final do mandato realizando o seu trabalho de maneira transparente e honesta, sempre no intuito de oferecer o melhor à população de Canaã dos Carajás e que calúnias como essas não o impedirão de cumprir com as suas obrigações como gestor e homem público.

Publicidade