Estudantes esperam contribuir com o desenvolvimento da sociedade

Aproveitar a oportunidade de estar em um curso superior, em uma universidade pública, para contribuir com o desenvolvimento da comunidade ao redor. Esse é o objetivo dos alunos que fazem parte da primeira turma do curso de agronomia da Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará (Unifesspa) em Canaã dos Carajás.

Para isso, a coordenação do curso tem articulado ações entre os estudantes que possam contribuir com o desenvolvimento local, e que estejam ligadas às necessidades da região. Nesta semana, por exemplo, foi realizada uma ação agroflorestal, em que os estudantes puderam aplicar, na prática, aquilo que aprendem na sala de aula.

“A aula prática, para mim, é o momento em que eu mais aprendo, e acho que a para a maioria também”, comentou a estudante Isabel Sandanha. Ela tem boas expectativas para o segundo ano letivo dessa primeira turma. “Acredito que vou aprender mais, abranger mais áreas e já ter uma identificação com o que eu quero seguir”, comentou.

Já o estudante Noam Pimentel, considera que ações de campo, como essa, contribuem para o conhecimento nas dimensões “econômica, social e o ambiental”. “Podemos trazer isso para Canaã, com o trabalho que estamos desenvolvendo aqui. A expectativa é que a gente cresça muito no município, com os projetos que estamos realizando junto às comunidades”, disse.

O professor Elias da Silva Albuquerque, coordenador do Polo da Unifesspa de Canaã dos Carajás, destacou que o sistema agroflorestal vai de encontro à necessidades do bioma local.

“Sabemos que, na Amazônia, há uma grande necessidade de reflorestamento, recuperação do solo, e o sistema agroflorestal é uma excelente oportunidade para isso”, disse. “Ele traz uma importância econômica, de revitalização do solo e ecológica. Ele reúne esses elementos com o benefício econômico para o agricultor”, comentou.

Publicidade