Disparos de mensagens em massa chegam aos telefones de centenas de cidadãos e o conteúdo é de guerra ideológica .

A política em Canaã dos Carajás parece se enveredar para um cenário de guerra. Diariamente, centenas – se não milhares – de cidadãos recebem em seus smartphones informações sobre supostos escândalos envolvendo pré candidatos à prefeitura em 2020.

Os números são de pessoas desconhecidas do debate político local, o que levantou a suspeita de que sistemas de distribuição de mensagens em massa estão sendo utilizados para atacar concorrentes a prefeitura municipal.

No meio do fogo cruzado, o cidadão acaba prejudicado, sem saber muito bem no que acreditar. Para muitos, as mensagens não passam de fake News; já outros acreditam que há verdades sendo espalhadas de forma exagerada.

Em uma destas mensagens, uma acusando Jean Carlos e seu colega de chapa, Gesiel Ribeiro, de serem contra o isolamento social em Canaã. Geisel, em uma divulgação pública, se mostrou, de fato, contrário ao decreto, mas Jean não se pronunciou sobre o caso. Com isso, há fortes indícios de manipulação das informações.

Uma coisa é certa: tal polarização acaba desmoralizando os dois lados da história.

Publicidade