Brasília - O governador do Pará, Simão Jatene, fala à imprensa após encontro com o presidente interino Michel Temer, no Palácio do Planalto (José Cruz/Agência Brasil)

A Assembleia Legislativa do Estado do Pará (Alepa) rejeitou as contas da gestão do ano de 2018 do ex-governador Simao Jatene (PSDB), após a votação de um projeto nesta terça-feira (1º), por 34 a 6. 

Em setembro de 2019, as contas foram rejeitadas pela Comissão de Fiscalização Financeira e Orçamentária da Alepa. Em seguida, foram a Plenário para análise, quando Simão Jatene se defendeu.

O deputado estadual Wanderlan Quaresma (MDB), relator do processo, votou pela rejeição das contas.

Jatene participou da sessão para apresentar sua defesa. A votação ocorreu de forma secreta, sem que o deputados anunciassem os votos.

(Informações: DOL)

Publicidade