Um jovem de 17 anos, identificado como Eslon Braz da Silva, foi encontrado morto em uma represa em Parauapebas. Ele estava desaparecido desde a última quarta-feira (29). O jovem Eslon residia no bairro Amazônia, do outro lado da pista, e teria sido visto pela última vez pelo pai dele no dia citado.

Pelos levantamentos preliminares realizado pela policia no local em que o corpo foi encontrado, o jovem foi morto com 16 perfurações de facas: oito no abdômen seis nas costas e duas no rosto.

>

Elson Cleiton, pai da vítima, disse na delegacia que reconheceu o corpo do filho através das fotos divulgadas nas redes sociais e pela calça que seu filho usava.

Informações que estão sendo levantadas pela polícia dão conta que a vítima era usuária de drogaa e que cometia pequenos furtoa no bairro.

Outra hipótese é que o jovem pode ter sido vítima do tráfico.

(Neide Folha)

Publicidade