A Polícia Militar dá início, nesta quinta-feira (21), à fiscalização nas principais avenidas de Canaã dos Carajás, para cumprimento do Decreto Estadual que estabelece restrições e até proibição de algumas atividades econômicas, como medida para conter o avanço da Covid-19 no estado.

Continua depois da publicidade

De acordo com o decreto, está proibida a realização de shows e eventos abertos ao público, como também abertura de bares. Já os restaurantes, lanchonetes e estabelecimentos similares ficam autorizados a funcionar até a meia-noite, respeitando o distanciamento social e a taxa de ocupação dos ambientes.

“Estão permitidos os eventos privados, realizados em casas de recepção e que não sejam abertos ao público, desde que sejam cumpridas as medidas de prevenção e seja observada a taxa de ocupação dos ambientes, que é de 50%. Lojas de conveniência também estão autorizadas, desde que não ofertem serviço semelhante a bares e similares,” explicou o procurador-geral do Pará, Ricardo Sefer.

Os shoppings, comércios, salões de beleza, barbearias e academias continuam em funcionamento, desde que sigam as medidas sanitárias, exceto para os municípios que estejam em bandeira vermelha, como na região oeste do estado.

A prefeitura de Canaã informou que seguirá as determinações do Decreto Estadual, mas realizará uma nova reunião, nesta sexta-feira (22), para definir como se dará a fiscalização por órgãos municipais.

A Associação Comercial de Canaã (Aciacca) ainda não se pronunciou sobre as recomendações do Governo do Pará, mas realizou, nesta quinta (21), uma reunião com comerciantes, onde pediu apoio para intensificar aplicação de medidas sanitárias adotadas pelos estabelecimentos comerciais em 2020 –  como uso do álcool em gel, distanciamento social, uso de máscaras e número limitado de clientes no interior das lojas, evitando o contágio do vírus.

Por Dayse Gomes – Blog do Zé Dudu

Publicidade