Na noite deste domingo (10), uma ‘mãe’ passou da conta no álcool e, por muito pouco, não cometeu um crime bárbaro em Canaã dos Carajás. Após beber o dia todo, uma mulher, moradora do bairro Residencial Canaã, estava decidida a sair de casa para continuar a cachaçada em algum outro lugar.

O marido da mulher tentou impedir que ela fosse às ruas para continuar a bebedeira, pois o seu estado já era deplorável. No entanto, ela insistiu em sair e avançou sobre o marido com uma faca. Vendo a situação, o filho do casal, de 17 anos, interveio e acabou levando uma facada da própria mãe.

O golpe atingiu a mão do adolescente, que por muito pouco não teve o dedo decepado. Segundo informações, beber e “virar o cavalo do cão” é uma prática comum para a mulher.

Além do adolescente de 17, uma criança de três anos também mora com a mulher. Na delegacia, a agressora estava tão embriada que foi incapaz de dizer o próprio nome à reportagem.

Publicidade