Conselho da escola deve se reunir nos próximos dias para decidir sobre a expulsão das alunas. Roda de alunos ficou a maior parte do tempo observando a cena e não fez nada para impedir as briguentas

 

 Ontem dia 24 duas alunas da Escola Estadual João Nelson dos Prazeres fizeram a porta da instituição em que “estudam” virar um verdadeiro ringue de MMA. A razão foi disputa por namorado.
Já era noite quando as jovens começaram uma discussão. A troca de farpas entre as duas teve início com insultos cada vez menos gentis. Quando o sangue subiu para a cabeça e a irritação foi incontrolável, as duas partiram para as vias de fato. As jovens se engalfinharam, trocaram socos, arranhões, tapas e puxões de cabelo.
Como o vídeo abaixo mostra, as duas brigaram por quase um minuto e ninguém fez nada para impedir. Somente quando um colega das duas, mais consciente que os demais, se aproximou e agarrou as meninas é que a situação foi controlada.
Na sequência, a aluna mais afoita saiu com o braço sangrando e aos prantos. Por razões desconhecidas, a brigona, que pareceu levar a pior na disputa, desmaiou e foi impedida de se esborrachar no chão pelos colegas.
De acordo com informações, o Conselho Escolar já foi acionado e deve decidir em reunião prevista para quinta-feira (26) se as duas serão expulsas da escola ou não.
Nem o nome, nem a idade e nem as turmas das lutadoras foram divulgados pela direção da escola.