Acusado de atropelar e matar um casal em março deste ano na Vila Palmares II, zona rural de Parauapebas, Robson Guimarães Barbosa foi preso na cidade de São Geraldo do Araguaia. A prisão de Robson Guimarães foi realizada pela polícia polícia local após contato da Polícia Civil de Parauapebas para que dessem cumprimento a um mandado de prisão autorizado pela juíza Priscila Mamede Mousinho, que responde pela 1ª Vara Criminal de Parauapebas. O mandado foi emitido ainda no dia 11 de Março, a pedido do delegado que presidia o caso, Gabriel Henrique.

À época, Robson dirigia um Chevrolet Cruze de sua propriedade. O grave acidente chocou moradores de Parauapebas e região, haja vista que José Francisco, 58 anos de idade, natural de Curionópolis (PA), e Zelina Alves, 52 anos, natural de Bacabal (MA) foram abalroados de forma tão violenta que os corpos foram arremessados para cima, dando várias piruetas no ar até caírem às margens da pista. O horário daquela tragédia era por volta das 16h30.

Imagens de uma câmera flagraram o acidente. Apesar do estrago do veículo do atropelador, ele saiu ileso, ligou para o Samu e depois fugiu em uma F-250 que chegou ao local do acidente minutos depois.

(Informações: Site Debate Carajás)

Publicidade