Um grupo de voluntários formados por costureiras, artesãs, donas de casa e até empresários, se reuniram e doaram ao Hospital Regional do Sudeste do Pará Dr. Geraldo Veloso (HRSP), em Marabá (PA), 1.500 máscaras de tecido que irão ajudar no combate ao novo coronavírus (Covid-19).

O Regional de Marabá é uma unidade do Governo do Estado, gerenciado pela Pró-Saúde, sendo um dos hospitais selecionados pela Secretaria de Estado de Saúde Pública do Pará (Sespa) no atendimento de casos graves da Covid-19.

>

Dessa forma, a doação das máscaras se torna uma ajuda muito importante e serão utilizadas pelo corpo administrativo da unidade. Além das máscaras, também foram doados 150 aventais hospitalares. Todos os materiais foram confeccionados de acordo com as orientações do Ministério da Saúde.

Costurando a esperança

Na corrida mundial para aquisição de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), muitos voluntários se reuniram e formaram uma corrente do bem em Marabá. Pessoas comuns e com muita boa vontade estão costurando a esperança em forma de máscaras e aventais para o enfrentamento da pandemia.

Para a artesã Karla Wirlãnia, a ideia de contribuir com o Hospital Regional surgiu a partir das dificuldades que todo os hospitais do país estão encontrando para aquisição de EPIs. “Essa rede inclui aqueles que planejam e acionam quem pode ajudar com a aquisição de materiais, outros que transportam e trabalham a logística das atividades daqueles que sabem cortar e costurar, para, enfim, fazer chegar até o hospital. Cada um de sua casa e ateliê de maneira segura e seguindo todas as recomendações de órgãos de saúde”, explicou.

Segundo o diretor Hospitalar do Regional de Marabá, Valdemir Girato, ações de voluntários reforçam o sentimento de solidariedade que existe na comunidade local. “Quero agradecer, em nome dos nossos colaboradores, todo o trabalho, amor e dedicação que esses voluntários se disponibilizaram para a doação dessas máscaras”, ressaltou.

Comitê de Gerenciamento

Em março desse ano o Regional realizou a implantação de um Comitê de Gerenciamento ao Coronavírus, aplicando medidas preventivas à doença, com ações assistenciais, e onde foram estabelecidos fluxos de atendimento em todos os seus setores para abordagem de casos suspeitos e confirmados da Covid-19.
O Hospital Regional do Sudeste do Pará Dr. Geraldo Veloso, unidade do Governo do Pará, é gerenciado pela Pró-Saúde. A unidade é referência em atendimento de média e alta complexidades para 22 municípios paraenses. A unidade possui perfil cirúrgico e habilitação em Traumato-ortopedia pelo Ministério da Saúde, oferecendo atendimento gratuito em diversas especialidades, além de um Centro de Hemodiálise com 22 máquinas.

Publicidade